Heroes III – Review – It´s Coming

https://i2.wp.com/jovemnerd.ig.com.br/wp-content/uploads/ads_heroes_villains.jpg

Episódio: It´s Coming (9/25)
Volume: 3
Primeira transmissão nos EUA: 17 de Novembro de 2008

Depois de um episódio centrado no passado, esta semana regressamos ao presente onde todos os olhos estão focados num futuro que não parece nada promissor e, que todos parecem recear.

Após o excelente final de Villains, as expectativas estavam em alta para saber o que teria acontecido a Hiro (Masi Oka) nas mãos do temível Arthur Petrelli (Participação especial de Robert Forster; Jackie Brown). Contudo, o seu desfecho não podia ter sido mais decepcionante. O grande vilão deste volume apenas apagou a memória do pequeno japonês que passou assim a acreditar que era apenas um miúdo de 10 anos. Cabe assim a Ando (James Kyson Lee) relembrar tudo aquilo que já aconteceu ao seu amigo de infância e, ensiná-lo a usar novamente a sua habilidade de controlar o tempo e, é precisamente no método a que Ando recorre, que reside o grande erro de continuidade deste episódio, nomeadamente a utilização da revista 9th Wonders cuja autoria estava a cargo de Issac Mendez que foi assassinado por Sylar (Zachary Quinto) na primeira temporada, logo não teria como escrever o comic que vimos neste capítulo. Lamento imenso assistir ao rumo que uma das personagens essenciais do primeiro volume  tem vindo a tomar nestes últimos volumes e espero sinceramente que Hiro volte a encontrar um sentido em Heroes.

https://i2.wp.com/images2.fanpop.com/images/photos/2600000/Episode-3-09-It-s-Coming-Promotional-Photos-heroes-2654131-2560-1977.jpg

Nathan (Adrian Pasdar) após chegar à conclusão de que todo o seu percurso foi baseado e, influenciado pelo seu pai resolve ir ao seu encontro, num confronto que apenas serviu para revelar de que lado Tracy     (Ali Larter) verdadeiramente se encontra. Uma boa reviravolta para esta personagem que até ao momento se encontrava um pouco perdida na história.

Por sua vez, o mano Petrelli mais novo (Milo Vertimiglia) depois de ter perdido todas as suas habilidades parece que conseguiu adquirir novamente a mais importante delas todas: a sua inteligência, ao conseguir salvar mais uma vez, Claire (Hayden Panettiere) da Pinehearst que a tentava capturar após descobrir que o catalisador que permite complementar a fórmula que Mohinder (Sendhil Ramamurthy) e Arthur tanto procuram, é a própria Cheerleader. Claire volta assim a assumir uma posição essencial no desenvolvimento da trama.

Episode 3.09 - It's Coming - Promotional Photos  - heroes photo

Angela (Cristine Rose), Parkman (Greg Grunberg) e Daphne (participação de Brea Grant) proporcionaram-nos um dos melhores momentos do episódio. Para tentar salvar Parkman, que numa tentativa de resgatar Angela, ficou aprisionado na mente dela, Daphne consegue entrar nesse mundo paralelo e, acaba por ter que assumir não só o jogo duplo que estava a desempenhar mas, também os seus sentimentos por Parkman. Já a senhora Petrelli volta a demonstrar o porque de ser uma das melhores personagens da série actualmente e, que não deve ser de forma alguma menosprezada, ao conseguir apenas com uma troca de palavras e um jogo de olhares, que o seu temível marido a libertasse da prisão mental em que se encontrava.

Contudo, o grande momento auge de “It´s coming” recaiu na fantástica interacção entre Elle (participação especial de Kristen Bell; Veronica Mars e Um Belo par de patins) e Sylar que demonstraram na perfeição a química electrizante que existe entre eles. Depois de Arthur lhe transmitir que existe a possibilidade de adquirir habilidades de outras pessoas sem as matar, através da criação de uma empatia, Sylat comprova esse facto com Elle conseguindo absorver a sua dor e habilidade não só sem a ter assassinado, como também, levando a que esta mantenha o seu poder. Podemos assim concluir que Gabriel finalmente conseguiu entender e, aprender a usar a sua habilidade e, que esta é bastante similar á do seu mano mais novo. Foi uma verdadeira delícia assistir à interacção entre estes dois personagens e, não considero que esteja a ser forçada, já que eles têm bastantes coisas comuns, principalmente o facto de ambos terem sido manipulados pelos pais.

Para terminar da melhor forma, pudemos ainda assistir a algo que era esperado desde o primeiro volume: a formação de duas equipas, a Primatech contra a Pinehearst com os heróis e, os vilões finalmente a assumirem a sua posição junto das suas respectivas equipas e, a prepararem-se para uma batalha que parece estar para breve.

Episode 3.09 - It's Coming - Promotional Photos  - heroes photo

Concluindo, mesmo com algumas falhas relevantes, tivemos um episódio bastante satisfatório repleto de bons momentos e, desenvolvimentos extremamente importantes no rumo de alguns personagens, especialmente Arthur Petrelli, que cada vez mais parece ser a peça central em toda  trama de Heroes. Mas, mais do que ter sido um bom episódio, este capítulo serviu essencialmente para nos assegurar que o melhor ainda está por chegar, nomeadamente o eclipse…it´s coming.

Aqui fica a promo do próximo episódio: The Eclipse: parte 1

Fotos: NBC

6 respostas a Heroes III – Review – It´s Coming

  1. Antonio diz:

    este foi o episodio de heroes com a audiençia mais baixa registada apenas 7.59 millions, se isto continua assim a serie pode ao renovar para uma quarta temporada

  2. Heroes até entretém, mas está muito forçado, complicado e desorganizado. É uma confusão! Enredos que ficam a meio, falta de continuidade com a 2ª temporada. Sylar é mau, depois é bom, depois junta-se ao Arthur, depois deixa o Peter viver, depois junta-se aos vilões. E a Elle a mesma coisa. Assim como a nova Nikki. Estes vilões são todos forçados. E o Hiro de 10 anos? Se querem que vos diga, a diferença nem se nota porque ele parece que tem sempre 10 anos. E nem falo do Peter, que dantes era praticamente o protagonista e agora está muito apagadinho, embora a seu enredo esteja melhor que muitos outros.

  3. John Anacall diz:

    so acho mal o enredo do hiro de resto tudo 5 estrelas!!!

    “com os heróis e, os vilões finalmente a assumirem a sua posição ”
    ja agora quem sao os viloes e quem sao os herois??? nenhuns, sao apenas dois grupos de “herois” com ideias diferentes de salvar o mundo, na minha opiniao

  4. Ana Gomes diz:

    John Anacall:
    eu não acho que sejam dois grupos de “heróis” e, na minha opinião o grupo liderado pelo Arthur é o dos vilões, pois Arthur já provou que não qualquer tipo de problemas em matar ou manipular pessoas, Tracy também provou neste episódio que a sua única preocupação é ela própria e, não salvar o mundo e o mesmo se pode dizer de Knox e Flint que não hesitam também em tirar vidas só para cumprir os seus objectivos.
    É importante também relembrar os receios da Daphne que não queria nem que Hiro nem o Matt se aliassem à Pinehearst porque eles eram “boas pessoas”.
    É por estes factos que eu considero que existe de facto uma equipa de vilões mas, também acho que a qualquer momento os elementos de ambas as equipas podem trocar de lado e, provavelmente o Sylar será um deles!
    Vamos ver o que nos reserva o próximo episódio!!

  5. thiago oliv diz:

    Estamos cansados de saber que Isaac Mendez não era o único com capacidade de prever o futuro desenhando. Aliás, todo mundo pode. O próprio Arthur Petreli termina o episódio assim. Então, nada impede que outro “desenhista” tenha continuado a revista 9th wonders, e nada impede que Isaac tenha deixado vários desenhos para serem publicados depois, muito comum no mundo dos gibis. Vamos dar uma colher de chá nisso…
    Mas realmente, muito decepcionante o que fizeram com o Hiro. Considero ele o melhor dos personagens, o único engajado na sua crença de que tem uma missão importante a cumprir. Francamente, o Peter ainda tem longo caminho pra percorrer pra realmente se tornar o verdadeiro personagem principal. Até imagino o final de Heroes: Peter morrendo para salvar todo mundo, especialmente a Claire (me lembra a evolução de Neo em Matrix)… Eu preferia que Hiro morresse, e depois algo extraordinário o trouxesse de volta, ao som da narração do Mohinder. Hehehe.
    Mas o que será que is coming?? (triste essa mistura que fiz, ne?) Será que é alguma besta apocalíptica??

  6. Luis G. diz:

    Eu estou a gostar até ao momento.
    Quanto à 9th wonders não considero que seja um erro de continuidade, o Isaac pode ter desenhado muitas coisas que vão sendo editadas com o tempo.
    Para mim o grande momento deste episodio foi mesmo a Elle com o Sylar, grandes interpretações.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: