Aquele Querido Mês de Agosto, de Miguel Gomes, arrecada mais um prémio internacional!

null

A longa-metragem do realizador português, Miguel Gomes, Aquele Querido Mês de Agosto ganhou o Prémio FIPRESCI, atribuído durante a Viennale – Festival Internacional de Cinema de Viena.

A edição deste ano do Festival Internacional de Cinema de Viena, Viennale que termina hoje, dedicou a Miguel Gomes um programa especial, exibindo todos os oito filmes que até agora realizou. O seu mais recente filme Aquele Querido Mês de Agosto venceu assim o prestigiado prémio FIPRESCI (Federação Internacional da Crítica Cinematográfica).

Aquele Querido Mês de Agosto recebe assim o seu terceiro prémio: o filme venceu recentemente o Festival de Valdivia, Chile, onde foi galardoado com o Grande Prémio Longa-Metragem Internacional e o Prémio Internacional da Crítica. Também o Hotvnews recorda AQUI que o filme Aquele Querido Mês de Agosto, foi indicado como o candidato português à nomeação para o Óscar da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood para o Melhor Filme Estrangeiro, escolhido de entre todas as longas-metragens nacionais estreadas entre 1 de Outubro de 2007 e 30 de Setembro de 2008, atendendo à sua qualidade e consistência.

null

Aquele Querido Mês de Agosto, segunda longa-metragem de Miguel Gomes e uma co-produção entre O Som e a Fúria (produtora e distribuidora portuguesa) e Shellac Sud (distribuidora francesa), é um filme sobre o que significa viver no coração de Portugal. Simultaneamente uma colectânea de canções e uma compilação de ambiências próprias de Agosto, o mês em que a Beira Serra renasce para os encontros e as festas.

Fonte: ICA | Instituto do Cinema e do Audiovisual

Anúncios

2 Responses to Aquele Querido Mês de Agosto, de Miguel Gomes, arrecada mais um prémio internacional!

  1. O filme ta porreiro 😛 até porque passo férias na aldiola de Pardieiros hehehe.

  2. Parabéns! É gratificante que o cinema português seja reconhecido além fronteiras, neste caso, com um filme que dilui fronteiras entre o género documental e ficcional e que se impõe pela originalidade, por uma montagem fabulosa, em que o que parece simples é complexo e em que se confundem o representável e o irrepresentável.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: