Emmy’s 08 – Melhor Actriz Principal [Drama]

As senhoras que se seguem dispensam apresentações. Todas elas já viram o seu trabalho reconhecido anteriormente através dos mais imponentes prémios da televisão e do cinema e pela generalidade dos críticos americanos, algumas delas são inclusive repetentes nesta categoria, tendo sido premiadas em anos anteriores.

Conheça ao pormenor as candidatas, assim como as hipóteses que cada uma delas tem de levar o prémio para casa hoje à noite (madrugada para nós).

É uma categoria tremendamente difícil de prever, principalmente porque todas elas submeteram episódios com uma carga dramática que anteriormente já lhes valeu grandes prémios.

Mantendo o estilo dos meus anteriores posts de previsões destes Emmy’s, começo com a qual acho que tenha menos hipóteses, ainda que seja apontada por muitos como uma forte candidata desta categoria:

https://i2.wp.com/l.yimg.com/img.tv.yahoo.com/tv/us/img/site/24/69/0000042469_20070907121313.jpg

Sally Field (por Irmãos & Irmãs) – Galardoada com dois Oscares e premiada com três Emmys, um deles pela sua participação como Nora Walker no drama de elenco Irmãos & Irmãs, Field é uma velha conhecida da Academia. Das cinco nomeadas, é aquela que tem menos tempo de antena, num episódio que, francamente, não a favorece nada. No ano passado os votantes galardoaram pela mesma razão pela qual esta esta nomeada este ano: Uma mãe preocupada com a tóxico-dependência do seu filho mais novo. A guerra no Iraque é um tema que está ainda muito presente nas mentes e nos corações dos americanos e como tal, os votantes poderão simpatizar com a tocante perfomance de Field. Tendo em conta que “History Repeating” é exibido logo após o estupendo piloto de Damages, o trabalho de Field facilmente é ofuscado pelo de Glenn Close.

Kyra Sedgwick (por The Closer) – Sejamos honestos: The Closer é um procedural. Por mais que Brenda Johnson seja uma personagem bem-construída e verdadeiramente credível, algo que o episódio submetido por Sedgwick demonstrou na perfeição, a série continua a ser um drama procedural. Este episódio é um exemplo perfeito da faca de dois gumes que The Closer é. Se por um lado temos uma detective corajosa que lidera na perfeição um grupo de homens, por outro temos uma mulher assustada com a possibilidade de estar a entrar na menopausa. Ainda que seja a actriz com mais tempo de antena, Sedgwick é aquela cuja participação é menos tocante. Caso os votantes olhem para o trabalho geral de Sedgwick na terceira temporada de The Closer, ela poderá ser o “dark horse” da categoria, pois teve uma temporada estupenda. Caso contrário, com base apenas neste episódio, seria tremendamente injusto preterir Sedgwick a qualquer uma das três próximas nomeadas.

Qualquer uma das três seguintes nomeadas tem perfomances fortes o suficiente para levar o prémio para casa.

https://i2.wp.com/www.tododeseries.com/wp-content/uploads/2008/02/saving-grace.jpg

Holly Hunter (por Saving Grace) – Vencedora de Óscar pela sua participação em “A Pianista“, Holly Hunter é a mais recente actriz galardoada pelo prémio mais imponente da representação a transferir-se a tempo inteiro para a televisão. Hunter aparece proeminente no decurso de todo o episódio, e a seguir a Sedgwick é a actriz com mais tempo de antena. A actriz escolheu o último episódio da primeira temporada de Saving Grace. Nesse a personagem titular da série, Grace Hanadarko, descobre que o padre que a violou repetidamente enquanto criança está vivo e que Earl, o seu anjo de última oportunidade, estava a fornecer-lhe pequenas pistas para que ela o descobrisse e finalmente enterrasse o que havia sofrido na infância. Enquanto episódio stand-alone, este “Taco, Tulips, Duck and Spices” funciona muito bem, muito por causa dos dois tocantes monólogos que a actriz desenvolve sobre as violações que sofreu nas mãos do padre pedófilo & sobre os problemas que Deus permite que aconteçam na Terra. A proeminência da religião enquanto tema central deste episódio poderá afastar muitos votantes de Hunter e ainda que os seus monólogos sejam poderosos, o piloto de Damages é simplesmente mais forte.

Mariska Hargitay (por Lei & Ordem: Unidade Especial) – É a actriz com mais nomeações aos Emmys no grupo, nomeada desde 2004 pela sua participação no drama e premiada apenas uma vez, em 2006. A personagem não é nova para os votantes, pelo que, poderá perder alguns pontos para Close e Hunter, pelo factor novidade. No entanto, a actriz soube mais uma vez escolher um grande episódio para submeter, algo que poderá ser recompensado com a vitória. Em “Undercover“, Olivia Benson, papel interpretado por Hargitay em Lei & Ordem: UE, investiga a violação de uma jovem rapariga por um guarda prisional. Para o condenar, Olivia infiltra-se na prisão onde este trabalha, assumindo na perfeição uma identidade totalmente diferente de si. Na prisão sofre abusos físicos e uma tentativa de violação por parte do guarda prisional, o que confere a Hargitay cenas de verdadeira tensão, nas quais a actriz tem uma perfomance verdadeiramente emocionante, que toca até mesmo no votante que nunca antes tinha visto um único episódio de Lei & Ordem: Unidade Especial. Mesmo com a forte concorrência de Close, Hargitay pode facilmente ser premiada, sem que isso represente uma grande injustiça para com a protagonista de Damages.

https://i1.wp.com/media.movieweb.com/news/10.2007/glenn.jpg

Glenn Close (por Damages – Sem Escrúpulos) – Vencedora de um globo de ouro pela primeira temporada de Damages, Close é, como devem ter notado nos textos acima, a favorita desta categoria. Na série, Close interpreta Patty Hewes, uma advogada de topo que alicia uma jovem e inexperiente advogada a juntar-se à sua firma de forma a ganhar um caso multi-milionário. A personagem é tremendamente maleavél e ao longo do episódio piloto Close alterna entre uma mulher cruel e manipuladora, uma mulher inocente e frágil & uma mulher aparentemente amável, algo que rapidamente descobrimos que não o é. Nas várias facetas de Patty Hewes, Close consegue transpor para a personagem a sua vasta experiência cinematográfica, conseguíndo  realizar sempre na perfeição tudo o que lhe é pedido. Com uma perfomance arrepiante, será muito provavelmente a vencedora desta categoria.

QUEM VAI VENCER: Glenn Close (por Damages – Sem Escrúpulos)

QUEM DEVIA VENCER: Glenn Close (por Damages – Sem Escrúpulos) ou Mariska Hargitay (por Lei & Ordem: Unidade Especial)

PS – Peço desculpa por qualquer erro de ortografia ou de sintaxe que o texto possa conter. Ainda não o revi totalmente, pelo que, poderá ainda sofrer pequenas alterações.

Anúncios

7 Responses to Emmy’s 08 – Melhor Actriz Principal [Drama]

  1. Vicente diz:

    Acho que mesmo havendo duvidas, é quase certo que é a Glenn Close… qualquer episodio da série seria suficiente para ela levar o galardão… e acho que é totalmente merecido Damages é uma série brutal.

  2. Ricardo Leal diz:

    Eu acho que Sally Field não devia concorrer nesta categoria pois ela não é a actriz principal.

  3. Não me parece que a vitória da Glenn Close esteja assim tão certa…

    Algo me diz que a Sally Field vai voltar a ser censurada esta noite!… :mrgreen:

  4. Ricardo Leal diz:

    A actriz principal de Brothers and Sisters não devia ser a Calista Flockhart? A Kitty? Estranho!

  5. @Ricardo:
    Tanto a Sally Field como a Calista Flockhart são consideradas como as protagonistas da série. O que faz sentido, pois são as que têm mais tempo de antena (por assim dizer) entre o elenco da série.

    O único problema é que o júri preferiu nomear a Sally Field. Infelizmente, a Calista nem ao Top 10 chegou.

    Cumps

  6. Anadressa diz:

    Kyra Sedgwick está fazendo um trabalho ótimo como Brenda Johnson

    Acompanho a série e posso dizer que é perfeita pois ao mesmo tempo que tem que mostrar que é coerente co suas decisões, apresenta uma sensibilidade e uma fraqueza comum em todas as mulheres….
    Ela este ano com certeza vai levar o premio

  7. ''Andressa'' diz:

    nome errado

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: