Mark Millar quer escrever nova trilogia do Super-Homem

Mark Millar, escritor da banda desenhada Wanted, afirmou numa entrevista estar em conversações com a Warner Bros. sobre a realização de um projecto para uma nova série de três filmes sobre o Super-Homem e diz  ter o apoio de um conhecido realizador americano.

A Warner Bros. divulgou recentemente querer relançar o franchise Super-Homem e querer seguir uma linha mais sombria como o recente “O Cavaleiro das Trevas” e a proposta de Millar vai de encontro a essas ideias.

Tenho este plano há cerca de dez anos para um projecto de 3 filmes, como o épico Senhor dos Anéis, começando novamente do ínicio com uma história de 7 horas sobre o Superhomem, afirmou Millar.

Millar disse também que ainda não há acordo nenhum, mas que espera ter noticia do estúdio em poucas semanas.

Fonte: www.worstpreviews.com

Anúncios

4 Responses to Mark Millar quer escrever nova trilogia do Super-Homem

  1. … óh Não! mais filmes do Super-Homem..!!!

    E ainda por cima não têm nada a haver com o ultimo k saiu!

  2. Ricardo Leal diz:

    Detestei o último. Foi dos piores filmes que vi na vida. E esta era uma ideia bem-vinda se eu já não estivesse farto do Super Homem.

  3. vitoscano diz:

    Berm se se assemelhar aos 2 primeiros força, para ser como o 3 e o último melhor não façam mais.A ideia parece interessante.

  4. Pedro Almeida diz:

    Sou um fã assumido de “Superman Returns” e espero que a Warner Brothers tenha a coragem de dar as rédeas do projecto novamente a Bryan Singer. Ainda que o filme pecasse pela excessiva reverência ao filme de Richard Donner (e um Lex Luthor que anda a meio caminho entre um vilão ameaçador e a versão de Gene Hackman), nunca se conseguiu humanizar tão bem o personagem (e o Brandon Routh é sem dúvida o actor para o papel) como neste capítulo. E esse é que foi sempre o problema ao escreve-lo. A sequela pode funcionar como uma nova direcção para o personagem: usar “Superman Returns” como uma reintrodução e depois partir para um novo caminho. Não punha as minhas mãos no fogo com o Mark Millar. Acima de tudo, ele é uma “attention whore” e o trabalho dele nos comics não é nada mais do que sobrevalorizado. Mesmo “Wanted”, em toda a sua pomposidade e exibicionismo, não passa de um exercício oco, de choques fáceis. É giro, mas dificilmente memorável.

    O que se vai verificar numa nova “reimaginação” do Super-Homem é o exacto extremo de “Superman Returns”: troca-se o drama e as interacções entre personagens para saciar o apetite por acção e destruição. Tentaram o mesmo com “The Incredible Hulk” e veja-se no que deu…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: